sexta-feira, 15 de dezembro de 2017

Para que serve o licenciamento de veículos?

Além do seguro obrigatório e do imposto anual conhecidíssimo como IPVA, há outra obrigação anual dos proprietários de carros, motos, caminhões e afins no Brasil: o licenciamento. Ele pode ser considerado mais importante que as demais obrigações porque possui como finalidade garantir a segurança do motorista e passageiros. Entenda mais a seguir.


O que é o licenciamento do veículo?

O licenciamento é um procedimento de checagem do Departamento de Trânsito (Detran) para autorizar o veículo a circular nas ruas. A verificação é anual e é feita diretamente no veículo com mecânicos do Detran em postos de atendimento com pré agendamento. 

Sendo uma compra 0 km ou usada, é obrigatório passar pelo procedimento para garantir a segurança do motorista. São verificados o estado do motor, itens de segurança para garantir a estabilidade e se é de fato um veículo autorizado com numeração de chassi e sua veracidade verificada.  Esse procedimento é feito levando o veículo diretamente a um dos postos de checagem do Detran.



O veículo é analisado em sua íntegra, desde carroceria até documentação. E assim ele é liberado para circular nas vias de forma segura.  Para garantir que o licenciamento seja feito alguns estados emitem apenas o Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo (CRLV), mais conhecido como documento do veículo, quando o procedimento é realizado e o resultado é positivo. Mas não é uma regra nacional e em muitas localidades o CRLV é emitido logo após o pagamento do IPVA 2018 RJ ou de outros estados. 

Para que serve o licenciamento do veículo?

Todos os motoristas deveriam presar pelo bom estado do seu veículo, seja ele para transporte particular ou de passageiros remunerado. O motivo? Garante a segurança do motorista e os demais envolvidos em um acidente de trânsito, podendo ser pedestres também.  As oficinas e muitos mecânicos fazem serviços diversificados em carros. Alteram peças, a altura do veículo e podem comprometer a sua estabilidade. 

O fabricante possui controle sobre o que é seguro ou não após a produção mas das alterações não. Por isso veículos alterados não possuem seguro coberto mesmo o proprietário tendo pago.  Nem todos os proprietários de bens móveis se importam com os itens obrigatórios e o licenciamento garante a circulação com permissão ou o veículo será apreendido. 

Pequenos detalhes como um cinto de segurança, retrovisores e um pneu em mau estado de conservação são os grandes responsáveis por mortes no trânsito. Mesmo pagando o IPVA 2018 SP ou de outros estados é importante manter o licenciamento em dia onde não é obrigatório. É para o bem de todos e evitar perdas fatais.

Como se faz o licenciamento do veículo?

O proprietário do veículo é o responsável por realizar o procedimento ou pode entregar uma procuração a terceiros para realizar o licenciamento. Ele deve agendar um horário em uma unidade do Detran ou no site de sua região. 



Agende o serviço de vistoria, pague a taxa e leve o veículo consigo no dia e local marcado para realizar o procedimento. Se tiver tudo em ordem já é enviado ao sistema e o carro começa a andar de acordo com as regras e com a permissão correta.